Dinheiro Digital: investir em renda variável nunca foi tão fácil

É preciso ter um pouco mais de sangue frio. Diferente da renda fixa, incluindo o Tesouro Direto (que você já viu aqui na série Dinheiro Digital), investir em renda variável é uma aventura um tanto maior, afinal você só pode especular e acompanhar, mas não dá para saber exatamente quanto você vai ganhar (ou perder) com seu investimento. Estamos falando basicamente do mercado de ações, um tipo de investimento mais arriscado que, ao mesmo tempo, pode render muito mais que as aplicações mais conservadoras…

É isso! Se o objetivo for buscar uma rentabilidade maior na renda variável, você precisa estar pronto para correr um pouco mais de risco; arriscar mais. A primeira “mãozinha” da tecnologia é a infinidade de conteúdo online disponível nos canais das corretoras e no próprio YouTube. Com uma pesquisa básica é possível tirar dúvidas básicas ou até fazer um curso completo sobre o mercado de ações. De qualquer forma, é preciso ter um pouco de boa vontade e interesse para aprender a dinâmica da renda variável.

Assim como na renda fixa, o primeiro passo para começar a investir em ações é abrir uma conta em uma corretora de valores. Hoje, praticamente todas oferecem a possibilidade de fazer o cadastro inteiro online, em poucos minutos e sem qualquer custo de manutenção. São as corretoras também que oferecem a principal ferramenta para atuar no mercado de renda variável – e tem tem tudo a ver com tecnologia: o home broker; uma plataforma digital exclusiva para comprar e vender ações diretamente da sua máquina, do seu computador…

Aquele primeiro empurrão da tecnologia com a oferta de conteúdo online para educar o investidor iniciante em renda variável é só a ponta do iceberg. Alguns home brokers agregam funções extras que podem ser interessantes tanto para o iniciante quanto para quem já está acostumado com a renda variável. Algoritmos exclusivos, por exemplo, indicam para o usuário, no momento de decidir uma compra, o valor do contrato, a margem de garantia necessária para investir, a expectativa de lucro e até possível prejuízo daquela ação. Nada de tiro no escuro.

Em alguns home brokers é possível também minimizar perdas e maximizar ganhos de forma automática. Para isso, basta o investidor, dentro de sua estratégia, definir valores limites de uma determinada ação. O sistema, então, acompanha as cotações em tempo real e caso um dos patamares (máximo ou mínmo) seja atingido, a ferramenta realiza a ação de compra ou venda de forma autônoma - seja para evitar um prejuízo ou para alcançar um ganho maior.

Os simuladores online também são ótimos para quem ainda não está confiante. São também uma ótima ferramenta de aprendizado antes de arriscar seu precioso dinheiro. Com cada vez mais tecnologia aplicada, hoje o investidor conta com bastante inteligência digital e informações mastigadas para tomar suas decisões… tudo que for possível par dar mais tranquilidade e atrair mais investidores. Na próxima semana, a série Dinheiro Digital vai mostrar como identificar de forma correta seu perfil de investidor… você já sabe o seu?! Não?! Então fique ligado...

Compras na internet? Para aproveitar as melhores ofertas, baixe a extensão do Olhar Digital. Além da garantia do melhor preço, você ainda ganha descontos em várias lojas. Clique aqui para instalar


RECOMENDADO PARA VOCÊ